Domingo, 16 de Junho de 2024
23°C 30°C
Macau, RN
Publicidade

Comunicação Assertiva no Mercado de Trabalho

Entenda qual é o papel da liderança humanizada para estabelecer uma cultura respeitosa e inclusiva para o sucesso organizacional

30/05/2024 às 19h22
Por: adrovando Fonte: Gabriela Dias
Compartilhe:
Comunicação Assertiva no Mercado de Trabalho

A comunicação eficaz dentro de um ambiente de trabalho é crucial para o sucesso de uma organização. Quando realizada de forma clara, direta e respeitosa, pode se tornar uma ferramenta poderosa tanto para o crescimento pessoal quanto para o sucesso da empresa. Conhecida como Comunicação Assertiva, essa abordagem tem ganhado destaque no mercado de trabalho devido aos seus diversos benefícios. Em especial, a liderança humanizada desempenha um papel fundamental ao estabelecer uma cultura de comunicação aberta e inclusiva.

A comunicação assertiva não se limita apenas a falar claramente, mas também envolve a habilidade de ouvir atentamente, expressar ideias de forma construtiva e estabelecer limites saudáveis. No entanto, implementar esse tipo de abordagem de comunicação no ambiente de trabalho nem sempre é uma tarefa simples. Barreiras como a falta de confiança, medo do conflito e padrões de comunicação ineficazes frequentemente dificultam a adoção.

Segundo Wagner Baroni, empresário e mentor em comunicação e liderança, para se tornar um líder de sucesso, em uma empresa bem sucedida, com colaboradores focados em crescimento pessoal e profissional através da comunicação assertiva, é necessário compreender e incorporar características específicas que promovam um ambiente de trabalho saudável e produtivo, tendo a comunicação assertiva como uma das bases nos processos de relacionamento dentro da empresa:

"A comunicação é uma das habilidades mais procuradas e valorizadas pelas empresas nos dias de hoje. Em um mundo de mercado de trabalho competitivo, onde as pessoas muitas vezes são vistas meramente como números, surge a necessidade de enfatizar a importância da comunicação assertiva e da valorização dos colaboradores como seres humanos. Empresas que adotam uma abordagem humanizada compreendem que a comunicação eficaz não é apenas uma habilidade, mas sim um pilar fundamental para construir ambientes de trabalho saudáveis e produtivos."

O papel crucial da liderança humanizada na comunicação assertiva

A comunicação assertiva no ambiente de trabalho pode trazer uma série de benefícios tangíveis. Ao estabelecer canais claros de troca de informações e opiniões, as equipes podem experimentar uma melhoria significativa em sua produtividade. Quando a comunicação flui de maneira eficaz, as tarefas são executadas de forma mais eficiente, evitando retrabalhos e mal-entendidos.

Além disso, a comunicação assertiva contribui para a redução de conflitos interdepartamentais e intrapessoais. Ao serem capazes de expressar suas opiniões de forma respeitosa e ouvir atentamente as perspectivas dos outros, os colaboradores encontram um terreno fértil para a resolução de conflitos de maneira construtiva, resultando em um ambiente de trabalho mais harmonioso.

E dentro desse cenário, um líder humanizado, que busca desenvolver a inteligência emocional ao criar conexões e gerar confiança nas interações humanas faz toda a diferença. Wagner Baroni, empresário e mentor em comunicação e liderança, destaca que o líder deve ser o exemplo ao conectar as pessoas por meio da missão, valores e cultura da empresa. O estabelecimento de um ambiente onde os membros da equipe se sintam à vontade para compartilhar ideias e opiniões é essencial. Baroni ressalta que colocar o ser humano no centro é muito importante, enfatizando a necessidade de um ambiente saudável, oportunidades de crescimento, reconhecimento e um líder inspirador e empático:

“É fundamental para um líder pontuar e desenvolver os pontos fracos de sua equipe, sem rotular as pessoas com suas fraquezas. Por exemplo, um líder nunca deve atacar ou criticar a pessoa, mas sim focar nos aspectos profissionais que precisam ser melhorados. É muito importante se adaptar às necessidades individuais de cada membro da equipe, reconhecendo que cada pessoa está em um estágio diferente de sua carreira e desenvolvimento profissional. Isso é um dos pontos de uma liderança humanizada, que trata o colaborador como indivíduo único.”

Outro aspecto crucial é a maneira como a comunicação assertiva impacta as relações interpessoais. Ao aprender a expressar pensamentos e sentimentos de forma clara e honesta, adaptando a comunicação a cada perfil de pessoa, os relacionamentos se tornam mais autênticos e transparentes, o que fortalece a colaboração e a coesão no ambiente de trabalho. Wagner Baroni explica:

“O uso de linguagem direta e simples, juntamente com expressões faciais e gestos adequados, fortalece a credibilidade da comunicação. É muito importante e cuidadoso utilizar o tom de voz adequado, ressaltando que a entonação, a velocidade e o volume devem ser considerados para transmitir credibilidade e sinceridade.”

Wagner Baroni - Empresário e Mentor em Comunicação e Liderança

 Quando questionado sobre a importância do autoconhecimento e da inteligência emocional para motivar e liderar a equipe de forma eficaz, Baroni esclareceu que "a principal função de um líder é lidar com pessoas de diversas culturas, costumes e gerações. Lidar com as pessoas parte do princípio de aprender a lidar consigo mesmo e entender a própria natureza para estar apto a lidar com os outros." Ele sublinhou a importância do autoconhecimento, enfatizando que quanto mais alguém se conhece, mais controle tem sobre suas ações e reações, contribuindo para o controle emocional e evitando "ciladas emocionais."

Além disso, Baroni aconselha os líderes a desenvolverem habilidades eficazes de oratória e comunicação, destacando que a comunicação continuará sendo a principal ferramenta de convencimento para um líder. Assim como o autodesenvolver e buscar constantemente a transformação pessoal, a fim de transmitir valores para a equipe.

Barreiras para a Comunicação Assertiva no ambiente de trabalho

Mesmo reconhecendo os inúmeros benefícios da comunicação assertiva, é importante enfrentar as barreiras que frequentemente impedem sua aplicação plena no ambiente profissional.

Uma das barreiras mais comuns é a falta de confiança. Muitos colaboradores relutam em expressar suas opiniões de maneira clara e assertiva com medo de serem mal interpretados ou julgados. Esse receio pode resultar em uma comunicação vaga ou na abstenção de expressar pontos de vista importantes, o que prejudica a tomada de decisões e a resolução de problemas.

O empresário e mentor em comunicação e liderança, Wagner Baroni, explica que o medo do conflito é uma barreira significativa:

“Muitos profissionais evitam comunicar questões delicadas por receio de confrontação ou rejeição. No entanto, evitar tais situações apenas perpetua mal-entendidos e impede o progresso construtivo.”

Padrões de comunicação ineficazes também representam um obstáculo. Isso abrange desde a falta de habilidades para ouvir ativamente até a dificuldade em oferecer feedback construtivo.

“Quando a comunicação não é clara e direta, surgem erros, retrabalho, atrasos, divergências entre colaboradores, conflitos entre colegas de trabalho e até mesmo problemas graves na relação entre líder e liderado, o que prejudica diretamente a entrega de resultados, afetando a eficácia da equipe e a dinâmica do ambiente”, comenta o empresário Wagner Baroni.

Ao identificar e superar essas barreiras, as organizações e profissionais podem criar um ambiente onde a comunicação assertiva é cultivada, permitindo que as equipes sejam mais coesas e colaborativas.

Benefícios e Estratégias para Desenvolver a Comunicação Assertiva

Para superar as barreiras e promover uma comunicação assertiva, é fundamental que as organizações e profissionais adotem estratégias e práticas que incentivem essa abordagem.

Uma das estratégias-chave é a promoção da escuta ativa. Isso envolve não apenas ouvir as palavras do interlocutor, mas também compreender suas emoções e intenções por trás das mensagens. Ao demonstrar interesse genuíno pelo que o outro tem a dizer, os profissionais contribuem para um ambiente de comunicação mais aberto e honesto.

O mentor em comunicação em liderança, Wagner Baroni ressalta que a prática do feedback construtivo é essencial:

“Os colaboradores precisam se sentir à vontade para oferecer e receber feedback de maneira respeitosa, visando ao crescimento mútuo e melhorias contínuas. Feedbacks claros e específicos contribuem para o desenvolvimento das habilidades de comunicação de toda a equipe.”

Baroni ressalta a importância de fazer do feedback uma prática diária, incentivando os líderes a fornecerem um equilíbrio entre elogios e reconhecimento (50%) e desenvolvimento e correção (50%), destacando:

"Quando o funcionário sabe que você valoriza os bons comportamentos, fica mais fácil para você e para ele quando você precisar dar um feedback para desenvolvê-lo ou corrigi-lo, porque ele entende que você é um líder justo."

Outra estratégia é a prática deliberada da expressão clara de ideias e sentimentos. Os profissionais devem ser encorajados a comunicar de forma direta, evitando ambiguidades e comunicação vaga. Isso requer habilidades de assertividade, onde as pessoas podem expressar suas opiniões e necessidades sem serem agressivas ou passivas:

“Estabelecimento de limites saudáveis na comunicação é fundamental. Isso envolve definir expectativas claras de como a comunicação será conduzida, respeitando as opiniões e limites de cada indivíduo”, comenta Wagner Baroni.

 Criando um ambiente inclusivo por meio da Comunicação Assertiva – na visão dos gestores

Evitar ruídos na comunicação e desentendimentos, ao abordar conflitos com foco na resolução de problemas, não nas pessoas, estando aberto a diferentes perspectivas são pilares que contribuem para um ambiente inclusivo por meio da comunicação assertiva. Wagner Baroni destaca que é crucial utilizar uma linguagem clara ao definir metas e expectativas, certificando-se de que todos compreendam as responsabilidades e estejam abertos para esclarecer dúvidas e fornecer orientações:

“O reconhecimento individual e igualdade de acesso a oportunidades de desenvolvimento são vitais para o estabelecimento desse ambiente inclusivo e respeitoso. Assim, o líder fortalece o comprometimento da equipe com a cultura da empresa, contribuindo para o desenvolvimento de relacionamentos sólidos e um senso de pertencimento.”

No mundo corporativo, a comunicação assertiva desempenha um papel vital, influenciando diretamente a eficiência, a coesão da equipe e os resultados do negócio. Nessa perspectiva, Mariana Carvalho, 36 anos, CEO de uma empresa especializada em serviços financeiros, compartilhou suas experiências e visões sobre a importância da comunicação assertiva.

Ao ser perguntada sobre as práticas adotadas por sua empresa para promover a comunicação assertiva entre os colaboradores e líderes, Mariana destacou:

"Nossa empresa abre muito espaço para novas ideias vindas dos colaboradores, oferecemos um feedback pontual, seja positivo pelo bom desempenho, ou de desenvolvimento, quando necessário. E um dos valores para nossa empresa hoje é o desenvolvimento dos nossos colaboradores tanto de forma intelectual como também emocional. Praticamos diariamente treinamentos de comunicação, liderança e vendas, afinal, todo o conhecimento obtido servirá para nos ajudar a resolver nossos problemas e desafios."

Ela também compartilhou um exemplo marcante em que a comunicação assertiva impactou positivamente a equipe e os resultados no ambiente de trabalho:

"Uma funcionária estava enfrentando problemas pessoais e considerava deixar o emprego para cuidar de seu filho. Através de um feedback humano e direcionado, mostramos a ela a importância do trabalho como uma ferramenta para superar suas dificuldades. A funcionária não apenas se comprometeu, mas também começou aconselhar colegas que passavam por situações semelhantes. Para nós, como líderes, é gratificante ver o crescimento pessoal e profissional de nossa equipe".

Paula Rossetto, 37 anos, é administradora. Ela também compartilha experiências positivas ao aplicar a comunicação assertiva dentro do ambiente de trabalho. Paula destaca práticas como reuniões regulares, feedback construtivo e políticas de portas abertas:

"Encorajamos líderes e colaboradores a nos procurarem com dúvidas ou preocupações, sem medo de retaliação", afirmou Paula. Ela salientou a importância de criar uma cultura de respeito para promover a comunicação eficaz.

Paula também compartilhou um exemplo negativo em que a falta de comunicação assertiva causou problemas para a equipe. Ela descreveu uma situação em que a equipe enfrentou desafios durante o desenvolvimento de um novo produto devido à dificuldade de expressar preocupações e ideias de maneira assertiva:

“Durante o desenvolvimento desse projeto, surgiram vários desafios que precisavam ser resolvidos. No entanto, os membros da equipe tinham dificuldade em expressar suas preocupações e ideias de maneira assertiva. Eles evitavam conflitos e hesitavam em discordar uns dos outros. Como resultado, os problemas não foram discutidos abertamente e as preocupações não foram trazidas à tona. Em vez disso, os membros da equipe trabalhavam individualmente para encontrar soluções, muitas vezes recriando o trabalho que outros já haviam feito. Isso levou a atrasos significativos no projeto, já que não houve uma abordagem colaborativa e assertiva para resolver os problemas.”

Comunicação Assertiva: a chave para o sucesso no ambiente profissional – na visão dos colaboradores

A adoção da comunicação assertiva no ambiente de trabalho não é apenas uma vantagem competitiva, mas também um reflexo do compromisso com o bem-estar e o sucesso de todos os envolvidos. Wagner Baroni comenta que, ao promover uma cultura de comunicação aberta e respeitosa, as organizações estão investindo no potencial humano e na construção de um ambiente de trabalho mais saudável e colaborativo.

É nesse contexto que a experiência de Amanda Grassi, de 23 anos, como gerente de uma empresa, ganha destaque. Com uma abordagem centrada na compreensão da singularidade de cada indivíduo, Amanda compartilha práticas e aprendizados valiosos sobre a importância da comunicação assertiva no mercado de trabalho:

"Trabalhar com liderança/gestão de pessoas é preciso entender que cada indivíduo é diferente, captando as mensagens de forma diferente. Por isso é necessário saber como falar com cada um de forma diferente.”

Ela destaca a influência positiva que tal abordagem teve, especialmente em situações de feedback. Inicialmente, o feedback era uniforme para todos os colaboradores, mas após ajustes na comunicação, a equipe melhorou seus resultados gradativamente.

Amanda ainda compartilhou uma experiência negativa do passado, quando a empresa em que trabalhava enviou uma mensagem em grupo promovendo uma competição saudável entre os funcionários, mas sem considerar as preferências individuais:

“Este incidente serviu de aprendizado, levando a equipe a adotar uma abordagem mais atenta e personalizada em relação à comunicação interna.”

O caso da supervisora de vendas, Jayne do Prado, 25 anos, chama a atenção em como a comunicação assertiva impacta diretamente o dia a dia do colaborador. Ela forneceu um exemplo positivo, no qual a comunicação impactou a equipe e o projeto em que estava envolvida:

"No mês de janeiro tínhamos um grande desafio para alcançar, uma meta desafiadora. Alcançamos nosso objetivo através de um planejamento cuidadoso, acompanhamento diário das nossas vendedoras, observando, dando feedbacks, e sempre motivando e mostrando que seria possível alcançar."

Sobre as medidas essenciais para promover uma cultura de comunicação assertiva dentro da empresa, Jayne enfatizou:

"Acredito que essenciais são feedback, comunicação clara e objetiva, influenciando para ter um ambiente de trabalho produtivo e com assertividade. Com a comunicação clara, reduzimos conflitos de assuntos mal-entendidos."

Capacitando profissionais para o sucesso através da Comunicação Assertiva

À medida que são explorados os benefícios e estratégias para a comunicação assertiva no ambiente de trabalho, torna-se evidente que o desenvolvimento e a promoção são vitais para o sucesso individual e organizacional. Empresas que investem na promoção da comunicação assertiva colhem benefícios substanciais, que se refletem na satisfação dos funcionários, na produtividade e na qualidade dos serviços prestados.

“A capacidade de se comunicar de maneira clara, direta e respeitosa não é apenas uma habilidade, mas uma competência fundamental que contribui para a eficiência operacional e crescimento pessoal. Para avançar no mercado de trabalho em constante evolução, é essencial que profissionais e organizações reconheçam a importância da comunicação assertiva e trabalhem para fortalecer essa competência fundamental”, finaliza o empresário e mentor em comunicação e liderança, Wagner Baroni.

 

Sobre a Fonte - Wagner Baroni

Wagner Baroni é Mentor em Comunicação e Liderança.

 Gerencia 3 empresas, comanda mais de 56 funcionários. Na área da Gestão Empresarial Wagner agrega conhecimentos e experiências como líder de equipes e gestão de pessoas.

É também Palestrante, Apresentador, Analista comportamental, Master Trainer especialista em comunicação, comportamento e liderança.

 Possui 30 anos de experiência no mercado, onde atuou em diversos veículos de comunicação em Rádio e TV, como apresentador e diretor no Brasil e Estados Unidos.

Baroni é mentor de profissionais do ramo da comunicação e do entretenimento, além de atuar como Trainer Corporativo e de Instituições de Ensino.

 Seu conteúdo e influência já atingiram milhares de pessoas que desejam trabalhar sua liderança pessoal e profissional. Organizou eventos para públicos de aproximadamente 1 milhão de pessoas. Já treinou mais de 4 mil alunos no Brasil, Estados Unidos e Europa.

 Sua missão de vida é propagar que a comunicação é a ferramenta mais poderosa para atrair, convencer, inspirar, motivar e influenciar pessoas.

https://www.instagram.com/wagnerbaroni 

Lenium - Criar site de notícias